quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Chiller



Se no mundo terreno a controversa tríade sexo, drogas & rock n' roll causava burburinho (hoje nem mais), no universo dos videogames seria Sexo, Satanismo & Sangue. Mesmo hoje passados mais de 30 anos da indústria, a resistência é grande. Praticamente a arte mais propícia para a interação humana ao mesmo tempo pertence ao ramo mais careta do entretenimento, por um longo período não veremos jogos quebrando tabus. E este apesar de ter sido desbancado com o tempo por outras coisas mais sanguinolentas, é considerado um game excomungado...

O sistema é puxado praqueles de atirar  com uma arma ou no caso o mouse, mas tudo levado pro lado gore da parada. Uma tela apresenta trechos onde desencadeiam pontos e acesso a bônus após bater o estágio. Na tela seguinte deve despedaçar no pipoco o máximo possível de vítimas presas nas salas de tortura, atingir os pedidos pontos-chave não antes de ficar atento a qualquer ameaça da sala. O jogo premiado é a costumeira slot machine de cassino estampando frankensteins e caveiras nas roletas.

Pro que é, o resultado sai divertido entoando trilhas clichês de terror enquanto o sangue pinta o lugar. Muitos jogos tentando apresentar o tema polêmico, negligenciam no que é importante pensar. Tirará boas risadas, seja pelo exagero, ou por ser um psicopata...


Nenhum comentário:

Postar um comentário