terça-feira, 3 de novembro de 2015

Virtua NBA



Na busca por arcades esportivos decentes, achei um mais recente que dá pro gasto enquanto tu estiver bebum pra desperceber imperfeições. A Sega toma vergonha na cara e paga o licenciamento dos 29 times da NBA disponibilizados nesse basquete eletromagnetrônico. Por alguma razão ela insiste em jogar o mesmo jogo de câmera utilizado no Virtua Striker, aqui pelo menos é bem apropriado pro esporte. Tem como jogar pra dois ou encarar o campeonato comum. Revendo melhor o jogo, ele empolga bem, a OST, a multidão, órgãos, essas coisas intensificam a empolgação e pra quem não saca nada do esporte vai gostar. 

Apesar do apelo 3D, ele é bem limitado no espaço, beirando a linearidade, tudo obscurecido pelos cenários espalhafatosos com uma platéia decente vibrando no real sentido, sem trocadilho sacana, mais uns realejos de parque de diversões tocando nos momentos chave para pontuar. 

Será uma partida bem taciturna, não tem aquelas teatralidades dos globetrotters, é coisa pra preencher a cota desportiva nos gamecenters japarengas ou talvez um barzinho besta no Brooklyn que resolveu ter um arcade com placa Naomi, vai saber? 


Mas e o controle caçápolis? Vai naquela de roubar a bola, passar pro outro competidor e carregar o botão de pulo pra mandar um arremesso na cesta, não sei nem se tem aquele efeito de quebrar a vidraça dela, acho que não... É tudo extremamente mais do mesmo só apelando pra estética e o minimalismo dos fliperamas. Parece que é possível destrancar times entre jogar um modo mais desafiador fechando o campeonato sem perder crédito.

No final das contas vale mais o NBA Jam das antigas ou algum mais freestyle num gueto barra pesada tipo na intro do Maluco no Pedaço. Enfim, se quer algo mais pé no chão, conhecer melhor sobre basquete ao invés de tomar vergonha na cara e ir praticá-lo, vai em frente, jogue esse aí da placa Naomi.

3 comentários:

  1. NBA Jam, o único de esporte que eu curtia bastante.Entrar num fliperama e gastar uma ficha em esportes tendo os jogos de luta à disposição, sem chance kkkkkkk, nunca encostei em uma máquina dessas! ^_^

    ResponderExcluir
  2. Em minha procura por jogos de arcade achei vários jogos de esporte legais, inclusive alguns de basquete. Um que já tinha jogado bastante no SNES (possuo o cartucho) e rejoguei no emulador e curti bastante é o NBA Hang Time.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conhecia, vou procurar depois esse daí.

      Excluir