sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Daisenryaku G



Adaptação portátil desse jogo considerado um dos pais dos games estratégicos de guerra, mais famosinho no Mega Drive por uma edição em que era possível controlar nazistas. Nem vou protelar nos detalhes do jogo, pois a mecânica do gênero é sempre a mesma bosta. 

Imagina um xadrez que no teu turno é preciso comprar maquinário bélico de toda sorte, proteger a todo custo suas fábricas e dominar as do inimigo enquanto destrói seus veículos escolhendo sabiamente qual é a máquina combatente mais propícia, senão o oposto acontece.

Rolam ceninhas quando cidades e fábricas são anexadas ao território de quem às conquista, animações meia boca nos combates, musica meio deslocada com o tema, desliga ela e mete um fone de ouvido.  O único percalço é o idioma japarongo. Insistindo e anotando a parada nem é problema, faz bem pra cachola jogar uns troços mais exigentes.

*Texto tirado do falecido site "Time Over".

Nenhum comentário:

Postar um comentário