domingo, 18 de agosto de 2013

Akumajou Dracula a.k.a. Castlevania



Castlevania do Sharp X68000 (Akumajou Dracula) é mais um dos "remakes" baseados no primeiro jogo da série, só que dessa vez para o computador doméstico em questão no ano de 1993. Não é a primeira vez que isso acontece, já que Vampire Killer foi lançado para o MSX2 em 1986-1987, um pouco após do lançamento original.

Como todos os outros computadores domésticos japoneses, o Sharp X68000 sofria por ser uma "plataforma" muito cara e limitada ao Japão, enquanto os consoles ganhavam espaço por serem mais acessíveis e por muitos de seus jogos serem exclusivos, dando pouco espaço para os PCs trabalharem com nomes de sucesso. Mas em compensação, praticamente todos os jogos de console que caíssem nesses sistemas recebiam tratamento de "rei". Essa versão só chegou a ficar famosa quando recebeu seu próprio remake que é o Castlevania Chronicles do PSX, esse que permite jogar com os gráficos atualizados (com a aparência "maricas" do Simon) ou com os gráficos antigos (com a aparência "Conan" dele).

Esse Castlevania é um bom exemplo de remake, seus gráficos são tão detalhados e coloridos que quase chega a colar com Super Castlevania IV do SNES. A trilha do jogo foi remixada de maneira excelente, com algumas fases puxando mais pro lado "eletrônico" e outras já puxando pro lado mais "gótico" da coisa.


O nível de dificuldade tanto para os monstros quanto o cenário é bem desafiador, mas nada que faça você chegar a se frustrar e investir dias a fio quebrando seus dedos até conseguir. Para isso, há itens secretos que podem aumentar a sua pontuação e lhe dar mais vidas extras, mas para isso é necessário explorar um pouco o cenário e estar preparado para se defender de monstros que vão ressurgindo sem parar ou as armadilhas vísiveis (além das invisiveis como a parede da primeira tela que ao bater, já começa a sair vários daqueles "anões" irritantes incessantemente).


Além disso, o Sharp oferece alguns efeitos legais durante as fases, exemplo é a terceira tela cuja estação do ano varia de acordo com a data programada no computador ou também na quinta tela durante o chefe, aonde o relógio da torre vai marcar o mesmo horário que seu computador.


Para quem ficou interessado em emular o Sharp X68000 e já teve (ou não) suas experiências com Castlevania Chronicles, façam questão de jogar essa versão estupenda que a Cucamonga Games aprova.


Nenhum comentário:

Postar um comentário